terça-feira, 10 de junho de 2008

Era uma vez...

Uma mãe!
Ela estava triste e ligou para sua filha, essa filha estava dormindo e ao atender o telefone foi muito chata e grossa porque a mãe estava repetindo tudo que tinha dito um dia antes, ao invés de falar que estava triste.
O dia foi passando e a mãe ligou novamente para filha, que não estava mais de mal humor. Elas conversaram e a mãe contou porque ligou de manhã e contou sua tristeza, a filha ficou com muito remorso por não ter percebido nada e por ter sido uma grossa idiota e foi se matar!

Fim da história!


...

Um comentário:

bruno bortoleto disse...

queria poder dizer mais vezes a ela que eu a amo, só nao sei como.
poderia dizer milhares de defeitos dela, mas ao pensar nela... ja vem todo esse amor que sinto e ele faz com que eu pense apenas uma coisa: nao vivo sem ela, quem é ela, qual o nome dela... é a daniela (hashsauhausha) brincadeira, é MARCIA (mãe), eu amo ela e voce tambem ♥